Você está aqui: Entrada Notícias Prefeitura arrecadou R$ 115 milhões no primeiro quadrimestre
Acções do Documento

Prefeitura arrecadou R$ 115 milhões no primeiro quadrimestre

30/05/2018 – O demonstrativo do período foi apresentado ontem em audiência pública promovida pela Câmara

Conduzida pelo presidente da comissão permanente de Finanças, Orçamento e Contabilidade, vereador Andrey Servelatti (PSDB), o Legislativo promoveu, na noite de ontem, 29, no plenário Ferrúcio Tompsitti, audiência pública para apresentação do balancete financeiro referente ao primeiro quadrimestre deste ano.

O evento contou também com a presença dos parlamentares Cesinha Pantarotto (Podemos), que também integra a comissão, e do vice-presidente da Casa, Zé Luis Buchalla (PRP).

Já a administração municipal esteve representada pelo secretário de Finanças, Adonai Henrique Brum da Silva, que apresentou os dados, e pelos servidores Antônio Donizete Caetano Alves, diretor de Orçamento, e os contadores Antonio Seno Neto e Max Angelson Menez Oliveira.
 

30-05-2018 balanço audiência pública 1 quadri interna.jpg

 

Consta no balanço que o Executivo arrecadou nos primeiros quatro meses do ano R$ 115 milhões, que correspondem a 35,97% da meta anual, que é de R$ 320 milhões, entre receitas correntes e receitas de capital.

Considera-se correntes as receitas derivadas dos recursos arrecadados pelo município por meio dos impostos, taxas e contribuições, além de transferências da União e do Estado. Já as receitas de capital são as que resultam da alienação de bens, das operações de crédito e de transferências do Estado ou da União via convênios, para investimentos públicos.

Em comparativo com o mesmo período do ano passado, houve aumento de 4,32% das receitas. No total delas está incluído o montante que é repassado à Câmara, que foi de R$ 3,6 milhões no quadrimestre, de um total de R$ 11 milhões previsto para o ano.

Segundo o secretário, a receita correspondeu às expectativas, considerando o cenário da economia nacional, e o maior índice de arrecadação registrado corresponde aos repasses estaduais e federais, que somam R$ 68 milhões no período.

Já entre os itens arrecadados pelo município destaca-se o IPTU, com R$ 20 milhões arrecadados, seguido das transferências de recursos do Fundeb, com R$ 17 milhões. Em comparativo com o mesmo período de 2017, houve aumento de 32,16% nos recursos vindos de convênios estaduais, chegando a R$ 1,4 milhão no quadrimestre.

“Esse aumento é fruto de um trabalho mais intenso de recursos neste ano junto ao Estado”, explicou o secretário de Finanças.

 Confira tabela com a origem das principais arrecadações:

 30-05-2018 balanço aud publ tabela1.bmp

 

Despesas

Já sobre as despesas, foram empenhados R$ 165 milhões, dos quais R$ 101 milhões fazem parte das despesas já processadas.

Confira a descrição das despesas na tabela abaixo:

 30-05-2018 balanço aud publ tabela2.bmp

 

Foram apresentados também os gastos que possuem limites obrigatórios estabelecidos por lei. É o caso dos gastos com pessoal, que somam R$ 153 milhões no período de maio de 2017 a abril de 2018.

 

 

 

Amanda Reis
Assessoria de Imprensa/CMB

 

 

1º Biênio 2017-2018
Vereadores 17ª Legislatura
Ouvidoria Legislativa
Sessões Gravadas
Diário Oficial de Birigüi
WebMail
RH Online
 

Banners Banners Banners